Youtube Linkedin Flickr

PERFIS RTRS

Voltar à lista completa

GEBANA

Localizado no sudoeste do estado de Paraná, Brasil, perto das mundialmente famosas Cachoeiras do Iguaçu, essas 163 famílias sob o nome de Gebana obtiveram a Certificação RTRS e formam o primeiro grupo destas dimensões a obter a certificação na América Latina. Estes 163 produtores certificados são pequenos produtores que vivem de sistemas produtivos mistos em que a soja é sua primeira cultura comercial. 

LOCALIZAÇÃO Paraná state, Brazil
HECTARES 2,893
TONELADAS 8,138
CONTATO

Stefan Lanz
[email protected]

ÁREAS PROTEGIDAS 672 ha permanently protected river margins and legal reserves

Por que certificar

Para Gebana, a certificação RTRS é um meio possível de estender nossa gama de produtos. Concretizar isso depende agora principalmente do crescimento da marca RTRS e de sua vontade de apoiar os pequenos produtores.

Em segundo lugar, aspirar à Certificação RTRS significa que Gebana pode fazer com que mais produtores participem do debate sobre métodos de produção sustentável. Assim, a certificação RTRS pode servir também de passo intermédio para que os produtores convencionais comecem a pensar em produzir orgânicos.

Experiência na RTRS

Esta experiência demonstra como a Certificação RTRS e a venda de créditos são possíveis também entre os pequenos produtores e esperamos ter mais destas experiências nos próximos anos. Enquanto isso, nos orgulhamos em apresentar suas vitórias, visto que agora eles estão produzindo soja de acordo aos padrões internacionais e mantendo viva uma rica cultura comunitária.

Benefícios da Certificação RTRS

Gebana Brasil é especializada na produção de soja orgânica pelos pequenos produtores. A RTRS nos permite ir além desse nicho e aplicar nosso know-how na produção sustentável e na gestão grupal em grupos maiores. Graças a estas conquistas, o pessoal de Gebana não apenas recebeu treinamento e adaptou seus sistemas de produção, mas também alterou suas práticas e aprendeu a cuidar melhor de seu ambiente. De fato, o grupo já vendeu mais de 2000 créditos RTRS à Unilever. O fato de se ter focalizado na melhoria continua e em recompensar o progresso tem sido um fator de sucesso crucial nesta experiência.

Mais informações

Outro fator chave foi a presença de órgãos que acumulam conhecimentos e experiência no processo de trabalhar com grupos de produtores e com a certificação. Neste caso, foi a Coopafi (a cooperativa de produtores familiares ativa na região) e a Rede Solidaridad as que contribuíram para que este processo fosse bem-sucedido. Todos eles fazem parte de um prometo que conta com o generoso apoio de parceiros do setor privado como Keurslagers, FrieslandCampina, Interchicken y Arla, e com doadores institucionais como o Programa da Biodiversidade en Commodities Agrícolas do IFC